Direção de modelos, como aprender?

Vejo, com a “popularização” de workshops de fotografia, um tema recorrente: direção de modelos. E, nos meus workshops percebo que uma das maiores dúvidas dos alunos também.

Sou autodidata e no começo me preocupava muito com isso, em como vou dirigir o modelo, o que vou pedir para ele fazer depois disso e assim por diante. Porém, em uma sessão onde você tem que entregar 8 fotos para o diretor de arte da revista, você precisa ter dezenas de poses diferentes, e aí, como pensar em tudo?

Eu penso que, o grande segredo em primeiro lugar é segurar a ansiedade. Por esse motivo, no começo da minha carreira, por diversas vezes, me preocupei tanto com a pose do personagem que estava retratando que acabava pecando em coisas as vezes mais importantes como iluminação, composição, inserção do modelo em um local bom para as fotos.

Inconscientemente eu sigo algumas regras para fotografar. E isso me ajuda muito a conseguir o resultado que quero.

Calma, tudo vai dar certo!

Juro, sempre dá. Se você tiver calma para fazer as coisas você consegue pensar melhor, agir melhor e ter uma melhor perspectiva do que está acontecendo ao seu redor.

O modelo é um ser humano como eu.

A pessoa que está sendo fotografada, seja ela uma pessoa famosa ou não, é gente como você. Eu geralmente converso um pouco com cada modelo antes de começar a fotografar, tento explicar mais ou menos o que quero, e presto ao mesmo tempo atenção nas reações sobre o modelo durante o papo, para saber se ele está, não só entendendo, mas gostando do que estou propondo. Muito importante, se o modelo não gostar ou não quiser fazer algo, não insista muito, pode até insistir uma vez, sutilmente, porém, se não quer fazer, respeite. Parta pra outra idéia.

Trabalhe em equipe.

Talvez a melhor dica. Ouça as pessoas ao seu redor, e muitas vezes o próprio modelo. Por inúmeras vezes as pose mais interessante é o modelo que te dá. Se a pessoa ultrapassar o incômodo de estar frente a uma câmera, ela vai se soltar e vai colaborar com você. É óbvio que ela quer uma foto boa dela mesmo não é?

Basicamente essas três regrinhas eu levo comigo em todas as sessões. Já vi livros e livros de poses pra modelos, retratos, etc., mas e aí, o que você vai fazer com um livro desse? Decorar as poses? Pedir para o personagem aguardar pois vai consultar como ele deve ficar?

Não se preocupe muito, escolha um lugar no qual você faria uma foto sem ninguém. Pense numa composição legal, insira a pessoa nessa composição. Agora varie junto com ela poses, ângulos, iluminação e pronto, terá a(s) fotos que tanto quer!

Using Format